Resenha: Diário de Uma Garota Nada Popular

04 setembro

Eu estava com bastante vontade de ler esse livro, desde que a sinopse me chamou a atenção lembrando os livros que li na escola. Apesar de aparentar ser um livro grande, a leitura é bem rápida e em pouco tempo eu finalizei a leitura. De forma bem interativa, Diário de Uma Garota Nada Popular, prendeu a minha atenção do início ao fim.
Nikki Maxwell tem 14 anos e ganha uma bolsa de estudos em um colégio particular em troca do seu pai ser o dedetizador de insetos da escola. Tudo o que ela queria era um IPHONE pra poder impressionar as GDPs (Garotas Descoladas e Populares), mas como seus pais se recusaram a presenteá-la, ela compra um celular usado e bem barato.
Quando sua mãe falou que ia dar para ela um presente especial, ao invés do tão sonhado IPHONE, Nikki ganha um diário que a faz sentir muita raiva no começo, porém ela passa a registrar dentre dele todos os acontecimentos da sua vida.
No início ela não tem amigas e ao invés de conquistar as GDPs acaba sendo alvo das maldades delas, principalmente da Mackenzie que faz de tudo para desfazer a alegria de garota. Aos poucos Nikki se aproxima de Zoe e Chloe, duas garotas com quem ela cria um laço especial de amizade e juntas fazem muitos planos.
Assim como toda adolescente, Nikki sonha também com o amor, e esse garoto é o Brandon, que faz com que ela suspire toda vez que o vê. Ele é o repórter e fotografo responsável pelo jornal da escola.  
Esse é um daqueles livros que eu precisava ler e a cada página lida eu me lembrava das histórias que li na adolescência. Nikki é a típica garota que tem o sonho de andar na moda, fazer parte de um grupo popular, além de conquistar o garoto dos seus sonhos, mas parece que nada acontece a seu favor. Os pais não a compreendem, as populares fazem de tudo para humilhá-la e ela não sabe se vai ser capaz de conquistar Brandon algum dia.
Esse é um daqueles livros que quando você começa a leitura, fica difícil parar enquanto não chega ao final. É uma história para relembrar os momentos da adolescência e também todos os problemas que aparecem durante essa fase.
De forma leve e narrado em primeira pessoa pela Nikki, Rachel traz um livro não só para adolescentes, mas para quem passou também por esse momento e também deseja conhecer uma protagonista que apesar das maluquices só queria se sentir parte de um grupo.
O livro é de capa dura e tem muitas ilustrações encantadoras que ajudam a compreender melhor a história. As folhas são amareladas e a fonte é de bom tamanho. É também o primeiro de uma série que até o momento já tem dez livros publicados aqui no Brasil.
Para quem deseja uma leitura mais descontraída, que fala sobre amizade, problemas da adolescência e diversão garantida, esse é o livro que recomendo sem dúvidas!

Você pode gostar

4 comentários

  1. Oi, eu já li todos os livros da coleção, bom... quase todos, os dois últimos que lançaram eu ainda não li, esse foi um dos livros que me empurraram para o mundo da leitura. <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Fico feliz em saber que você passou a ler mais por causa dessa série, ela é bem fofa. Espero continuar lendo ela também 😊

      Excluir
  2. Parece ser bom, vou adicionar na minha ''pequena listinha'', haha!
    Ah, passei aqui para dizer que te marquei numa TAG bem divertida no meu blog. Quando tiver um tempinho, dá uma olhada ;)

    Beijos, Belle
    floraliteraria.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Belle, vou visitar o seu blog sim! É sempre bom responder tags. Beijos.

      Excluir

Facebook

Instagram