Indicação da Semana: A Filha da Minha Mãe e Eu

30 agosto

Olá pessoal, tudo bem?
Para começar bem a semana no blog, gostaria de indicar um livro que já li tem muito tempo, mas gostei muito da história por ser diferente da maioria dos livros que leio.
A Filha da Minha Mãe e Eu de Maria Fernanda Guerreiro é um livro para guardar no coração. A narrativa da autora é envolvente e destaca a relação familiar, nesse caso, de Mariana e sua mãe Helena. Com uma mãe rígida e pouco afetuosa, a jovem Mariana ao descobrir sua gravidez, relembra o passado ao lado da sua família e como foi a sua difícil relação com a mãe. É um livro que faz com que cada um de nós pense em quem somos na nossa família e quem em nossa mente são os nossos pais. Como lidar com a mãe quando ela tem tantas atitudes que são difíceis de aceitar e até mesmo perdoar?


É um livro que recomendo para todos aqueles que gostam variar suas leituras. O livro é narrado em primeira pessoa pela personagem Mariana da infância até a vida adulta e mostra com clareza o papel fundamental dos pais nessa jornada. É também uma história de uma mãe e uma filha que mesmo com todas as dificuldades precisavam abrir dentro delas aquilo que verdadeiramente estava guardado dentro do coração.
Abaixo segue a capa e a sinopse do livro:


Sinopse:

Mesmo quem nos ama às vezes não consegue ver quem realmente somos.
Sensível e tão real a ponto de fazer você se sentir parte da família, A filha da minha mãe e eu conta a história do difícil relacionamento entre Helena e sua filha, Mariana. 
A história começa quando Mariana descobre que está grávida e se dá conta de que, antes de se tornar mãe, é preciso rever seu papel como filha, tentar compreender o de Helena e, principalmente, perdoar a ambas. Inicia-se, então, uma revisão do passado – processo doloroso, mas imensamente revelador, pautado por situações comoventes, personagens complexos e pequenas verdades que contêm a história de cada um.


Você pode gostar

10 comentários

  1. Nossa, faz muito tempo que li este livro, recebi ele da NC quando foi publicado. Eu achei a trama bem realista e até um pouco cruel, é um livro que eu gostaria de reler um dia com certeza.

    Bj, Van - Retrô Books
    http://balaiodelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Thalita, tudo bem?
    Ainda não conhecia o livro, mas gostei de conhecer. É um livro que eu leria, com certeza. Hoje em dia me dou bem com a minha mãe, mas nossa relação já foi muito complicada :P
    Então esse livro me atraiu bastante.
    Um beijão
    http://profissao-escritor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oiii Thalita, como vai?
    Infelizmente dessa vez a obra em si não despertou meu interesse, mas confesso que achei a história e a ideia do enredo bastante fascinante, eu leria por imensa curiosidade e sei que me emocionaria, além do mais a sua resenha está um arraso.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  4. Oi, Thalita!
    Legal a sua recomendação, por mais que eu já tenha lido o livro há alguns anos e, infelizmente, não tenha me envolvido ou sido cativada por ele tanto quanto parece ter acontecido com você, mas é realmente uma indicação interessante em meio a abordagem sobre relações familiares, principalmente de mãe e filha. =)
    Beijos!

    ♥ Sâmmy ♥
    ♥ SammySacional ♥

    ResponderExcluir
  5. Oi Thalita, tudo bem?
    Eu lembro desse livro e tem uma história bem comovente, né? É uma história muito linda, onde adoro histórias que me fazem repensar.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Oi Thalita.

    Eu já tinha visto o livro nas redes sociais, mas não tinha lido nada sobre ele. Achei bacana seu comentário, que consegue despertar uma curiosidade para ler o livro. Parece ser bastante comovente. Dica anotada.

    Bjos

    ResponderExcluir
  7. Lembro que na época do lançamento, eu não fiquei muito instigada em querer ler o livro.
    Agora, depois de um tempo e de ler sua resenha, fiquei pensando que deve ser uma leitura interessante. Acho que as vezes um livro só ganha você depois de você já ter uma certa estrada de leituras - já que muitos momentos estamos em outras vibes...
    Ainda bem que tenho o livro aqui na estante, assim, posso arriscar ele ainda esse ano :)
    Beijinhos,
    Lica
    Amores e Livros

    ResponderExcluir
  8. Oi Thalita, tudo bom?
    Eu tive esse livro aqui por alguns anos, até peguei pra ler mas não cheguei a engatar, nem lembro o motivo agora e acabei me desfazendo dele. Mesmo assim, ele sempre me pareceu ser um ótimo livro.
    Beijo

    ResponderExcluir
  9. Esse livro é um pouco antigo, eu me lembro da época em que ele foi lançado. Sempre tive curiosidade de ler esse livro mas nunca parei para buscar e ler. Agora com a sua dica vou dar uma chance para ele.
    Bjss

    http://livrosemarshmallows.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oi Thalita!

    Há um tempo atrás eu era louca para ler esse livro, mas acabou que caiu no esquecimento. Eu imaginava uma história um pouco diferente, confesso, mas ainda assim me chama atenção demais. Muitas pessoas têm problemas de relacionamento com os pais e realmente às vezes é preciso esquecer as coisas e perdoar.

    Beijo!
    http://www.roendolivros.com.br/

    ResponderExcluir

Facebook

Instagram