Já li muitos livros da Thalita Rebouças e quando fiquei sabendo desse novo lançamento eu fiquei bem empolgada pra ler. Apesar do livro ser clichê, lembrando os filmes da Sessão da Tarde, com a narrativa bem adolescente, de forma leve, a autora retrata problemas cotidianos da adolescência e ao mesmo tempo difíceis de lidar.
Tetê é uma adolescente de 15 anos que está acima do peso, não tem vaidade, não tem amigos e se mudou com os pais para morar em Copacabana com os avós. Agora, ela divide o quarto com o seu bisavó e tem que suportar a família que não perde tempo em criticá-la. Depois de um período difícil no ensino fundamental, Tetê está com muito medo da nova escola, do que pode acontecer com ela, de não ter nenhum amigo. Para completar sua infelicidade, seu nome Teanira é mais um motivo de sofrimento: a junção de de Djanira mais Tércio que são os nomes dos seus avós.
Mesmo com muito medo do ensino médio, ao entrar na sala, Tetê conhece Davi, um garoto nerd que assim como ela sente-se deslocado da turma. Para completar o grupo, ela conhece Zeca, um garoto que vai ajudar Tetê a olhar para si mesma de uma forma diferente e esse trio forma uma grande amizade.
Como um bom livro para adolescentes, não poderia faltar um amor para sonhar: Erick é o garoto lindo, mais popular do colégio que até deixa Tetê sem fala e além de tudo a trata muito bem. Ao contrário dele, Valentina é a namorada de Erick e faz de tudo para dificultar a vida de Tetê e fazer com que ela não se sinta bem.
Confissões de uma garota excluída, mal-amada e (um pouco) dramática, é um livro incrível narrado em primeira pessoa que retrata temas como o bullyng e também como a autoestima que fazem parte da vida dos adolescentes. Thalita mais uma vez mostrou o seu talento ao incorporar a adolescência e retratar o cotidiano complicado dos personagens.
Tetê é uma personagem que sofre pelo seu físico e não se importa em ter vaidade. Porém Zeca faz de tudo para que ela se cuide e se olhe no espelho de uma forma diferente, querendo levantar sua autoestima. Davi é um pouco tímido, mas de forma simples ele também vai conquistando o seu lugar na trama. E as amizades levam a outro ponto: o quanto é importante ter pessoas ao nosso lado que fazem bem e querem a nossa felicidade.
O livro é bem tranquilo e durante a leitura me diverti bastante com as confusões em que Tetê se metia. Ao longo da leitura, foi possível ver o amadurecimento dos personagens e o quanto o bullyng pode ser difícil de ser superado por uma pessoa. Ao mesmo tempo em que autora trouxe uma narrativa engraçada, não deixou de ser reflexiva levando em conta tudo o que a personagem passou.
Como a personagem é apaixonada pela cozinha, foram colocadas algumas receitas bem fáceis no livro que podem ser preparadas até mesmo por quem não tem muita prática. Os desenhos também estão muito fofos e só a capa já chama muita atenção.
Para quem gosta de livro adolescente, clichê, com personagens bem divertidos, que mostra a importância da superação e que é possível seguir em frente, esse é o livro que indico para você!


13 Comentários

  1. Oi Thalita
    Eu já li alguns livros da autora e sou fã de sua escrita. Infelizmente ainda não li esse lançamento, mas estou bem curiosa, ainda mais depois de conferir tantos comentários positivos a respeito. Ah, legal saber sobre as receitas. Imagino mesmo que seja uma leitura mais clichê e deve ser leve também. Pretendo ler logo!

    Beijos, Fer
    www.segredosemlivros.com

    ResponderExcluir
  2. Não podemos negar a popularidade de Thalita Rebouças com suas obras para jovens e adolescentes. Mesmo não fazendo parte do público alvo, sei que os exemplares escritos pela autora vendem muito. Várias adolescentes se espelham em suas personagens, como a da obra resenhada!
    Como já disse em outras resenhas do livro, não é o tipo de livro que leria, mas, com certeza, indicaria para minha sobrinha ler! Espero que muitas meninas consigam adquirir os ensinamentos da mensagem que o livro transmite, de superação e motivação!
    Grande abraço e sucesso para você!
    Filipe Penasso - Pena Pensante

    ResponderExcluir
  3. Olá Thalita,
    Só ouço maravilhas sobre a Tetê, e não nego a curiosidade de conhecer mais a personagem. Às vezes é tão gostoso ter uma história clichê para o fim de semana, e sei que a escrita da Thalita encanta, então combinação perfeita.
    Essa receitinhas devem ser "delicinhas", gosto de livros que disponibilizam algo a mais para seus leitores.
    Bjim!
    Tammy
    Livreando | Facebook

    ResponderExcluir
  4. Oi Thalita!
    Perdi a super oportunidade de comprar esse livro autografado, no lançamento que teve em uma livraria aqui de Curitiba... :(
    Os comentários que li sobre esse livro são todos excelentes, não só do livros, mas da autora também. Espero poder ler em breve! Bj
    http://colecionandoromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Olá Thalita (o mesmo nome da autora do livro haha, coincidência).
    Esse livro está na minha lista de leituras das férias, já tenho ele aqui e tive a oportunidade de conhecer a autora em um evento que teve em minha cidade e autografar o livro (ela é uma pessoa extremamente simpática e muito engraçada). Estou com muita expectativa nesse livro já que é o primeiro que leio da autora, amei a sua resenha e e ela aguçou ainda mais a vontade de ler. A proposta do livro é muito boa (trata do bullying na escola) e a edição do livro está uma graça!

    Beijos,
    Luan - Carpe Diem Literário.

    ResponderExcluir
  6. Olá Thalita,
    Tete é uma personagem que sofreu demais nas mãos desses 'amigos' mal amados e, ao se mudar, ela vê uma chance de mudar, de ser aceita. Acho que, pelo visto, não acontece.
    Gostei muito de ter lido suas impressões e é um livro que estou muito ansiosa para ler. Acho que me sinto parecida com a Tete, em alguns momentos, e gostaria que as coisas fossem diferentes.
    Já adquiri meu exemplar e mal posso esperar para ele chegar.
    Beijos ♥
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  7. Oiii!!!

    Eu adoro clichês! E tenho impressão que os livros dela são assim mesmo. Mas nada demais . Acho que ela é uma boa escrtiora e fez um livro legal para passar o tempo.
    A dica foi anotada! E espero ler em breve para ter minha própria opinião.

    Ps: vai que o livro seja adaptado também ?? Dai é perfeito pra sessão a tarde hehe
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  8. Oi, Thalita

    Eu nunca curti a Thalita Rebouças, nem quando eu era adolescente,acho ela extremamente forçada, mas devo admitir que admiro a capacidade que ela tem de se comunicar com os adolescentes. Em tempos de livros de youtubers sem conteúdo alguns, é bom saber que ela segue escrevendo livros para esse público que precisa ler algo leve, mas construtivo de alguma forma, e não um monte de baboseiras.
    E que nome é esse hein? Teanira...misericórdia! hahahaha

    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Oie! Menina apesar do enredo realmente parecer clichê digno da sessão da tarde eu estou louca para ler esse livro pois me parece uma história acima de tudo divertida e que nos remete ao tempo da nossa própria adolescência.
    Esse livro está na minha lista de desejados..bj

    ResponderExcluir
  10. Olá!! :)

    Ja tinha ouvido falar muito deste livro (e bem!)... E gosto do genero (para de vez em quando... mas nao frequentemente).

    Bem, fico muito contente por teres gostado assim tanto do livro... Adolescente, fluido... :) Gosto! So nao aprecio cliche!!! Nada mesmo!! Estragaria a leitura toda... Que pena! :(

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  11. Oiee ^^
    Acho a capa deste livro tãão linda ♥ Mas não tenho curiosidade de lê-lo. Histórias com personagens tão jovens assim (principalmente quando são dramáticas) sempre me tiram do sério, então não estou com coragem para arriscar. Mas fico feliz em saber que a protagonista amadurece ao longo da narrativa, e que você tenha se divertido com o livro. Mas, novamente, eu não leria.
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Ao contrário de você, nunca tinha lido nada da Thalita antes de embarcar nessa leitura, mas me apaixonei pela narrativa logo de cara! E é verdade, a narrativa é engraçada e ao mesmo tempo reflexiva, adorei a forma como o bullying foi abordado, mostrando todas as partes envolvidas, e curti muito ver a Tetê fazendo amigos e se amando mais. E me apaixonei pela diagramação e por essas receitas presentes no livro, realmente muito fáceis de fazer e parecem ser deliciosas!

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  13. Oi Tha,
    Não dá esse livro não desceu, achei a capa linda, mais o título cheio de slutshamming e detesto esse tipo de coisa, então já daí tenho bastante antipatia por ele, e agora lendo a sua resenha, percebo mais ainda que não é o tipo de leitura em quem eu empenharia o meu tempo, não faz parte nem do meu perfil, esse tipo de leitura.
    Beijos

    ResponderExcluir