Estava procurando por um livro mais adolescente e ao ler a sinopse de Entre Dois Amores, não pensei duas vezes e comecei a ler, a história é muito fofa e ler esse livro me fez relembrar também meus momentos da adolescência que é uma das melhores fases da vida.
Helô Martinez é uma garota de 16 anos, que cursa o ensino médio e tem dois grandes amores: garotos e moda. Ela sempre está apaixonada por alguém ou sempre procurando um modelo de roupa para copiar e transformar em um novo look incrível para postar em seu blog. Porém, ela está com dificuldades em português, e como o seu professor não a deixa em paz para estudar, sua mãe contrata o seu vizinho Rodolfo César que vai ensinar Helô a estudar português através da literatura, mesmo sabendo que ela detesta ler.
 Helô não aceita a ideia de sua mãe, pois para ela é um absurdo que Rodolfo, o garoto “melequento” a ensine quando na verdade ela não consegue nem se imaginar perto dele. No primeiro dia de aula, apesar de Helô demonstrar de todas as formas que não está disposta a aprender, Rodolfo se mostra indiferente às atitudes da garota, e não vai ceder tão facilmente, enquanto ela não aprender a matéria. Apesar de Helô ser contrária a ideia de estudar português, já que sua intenção é estudar moda, ela não aceita a ideia de sua mãe, mas ou é passar de ano ou ficar sem a máquina de costura...
 O livro Entre Dois Amores vem trazendo uma história super fofa que fica difícil não se identificar com alguns dos personagens. Além do César Rodolfo se mostrar um professor bem criativo, ele também estuda direito e é apaixonado pelas leis assim como o pai de Helô. A Amanda e a Marina, também vão se revelando ao longo da história. Grandes amigas, com aventuras, confusões, traições, que me transportaram para dentro do livro. A mãe da Helô também não ficou para trás, ela faz comentários muito interessantes no decorrer da história que muitas vezes me fizeram sorrir.
Apesar da história ser muito boa, e ter momentos bem divertidos, não gostei muito da Helô. Achei ela um pouco mimada e fiquei irritada com algumas atitudes dela. Mesmo que a partir das experiências, ela vai se tornando mais madura e compreendendo muitas coisas que aconteceram no passado, segredos vão se revelando, achei que isso demorou muito para acontecer. Apesar de não ter simpatizado com a Helô foi possível ver o outro lado que não havia visto: uma garota cheia de sonhos, mas também de medos.
O livro é um romance bem adolescente que tem um pouco de tudo do mundo adolescente, com personagens maravilhosos como o César Rodolfo que me conquistou desde o primeiro instante e também a questão da maturidade que ficou bem clara na maioria dos personagens da história. Então, se você procura um romance fofo, esse é a escolha certa com certeza.


Deixe um comentário